DEADPOOL 2 – DIRETOR FALA SOBRE OS PODERES DE DOMINÓ E A ORIGEM DE CABLE NO FILME!

Capa da Publicação
Cable e Dominó trouxeram desafios para o diretor David Leitch
Existem vários personagens que nunca deram as caras nos cinemas que farão sua estréia em Deadpool 2, um deles é Cable – que será interpretado por Josh Brolin. O mutante é bastante querido pelos fãs, mas também representa um desafio para o diretor do filme, uma vez que sua história não é nada fácil de ser adaptada.
Nos quadrinhos, o verdadeiro nome de Cable é Christopher Nathan Summers, sendo filho de Ciclope com Madelyne Pryor, que é a clone de Jean Grey. Quando Madelyne se tornou uma super vilã e Jean voltou dos mortos, o pequeno Cable foi infectado com um vírus tecno-orgânico e precisa ser enviado para o futuro para ser tratado.
Lá ele foi criado pela Mãe Askani, que depois é revelada como uma versão do futuro de sua irmão de outra linha do tempo: Rachel Summers. Ela então leva a consciência de Ciclope e Jean para o futuro onde eles ajudam a criar Cable sem realmente revelar que eram os pais dele.
Cable cresceu como um soldado perfeito e um mestre em técnicas, sendo considerado a melhor opção para o futuro. Isso, contudo, não significa que essa história de origem será fácil de ser adaptada…
David Leitch, o diretor de Deadpool 2, contou para o ScreenRant sobre seus planos para adaptar o personagem e quais porções da história de Cable estarão presentes no filme.
Olha, eu acho que além de todo Deadpool, meio que o Universo de filmes de Deadpool, você meio que tem que ser seletivo sobre como você vai se aproximar desses personagens porque existe muita coisa, um trabalho que é tão gigantesco, que você nunca poderia colocar inteira em um filme,” disse Leitch. “Então a gente tem sido bem particular sobre o que vamos colocar [em Deadpool 2] e o que vamos deixar para o futuro se seguirmos nessa direção e eu acho que vocês irão gostar. É tudo seguindo o espírito da história real, mas também no espírito do que o filme do Deadpool é.”
O diretor também comentou sobre como será o efeito visual dos poderes de Dominó, vivida por Zazie Beetz, que consegue alterar as probabilidades – algo que a deixa extremamente sortuda.
Nós estamos animados com essa ideia de uma coreografia. Eu não vou dizer como vamos trabalhar isso. Como um coreógrafo, ter um personagem com as habilidades dela é bem interessante. Eu acho que no começo parecia um problema. Tipo, oh meu Deus, como você demonstra sorte? E então você apenas vê que é tipo, oh essa é a oportunidade mais legal de todos os tempos, então nós estamos bem animados e nós estamos criando algo bem legal para a personagem.”
Com toda a certeza, Deadpool 2 tem uma série de desafios pela frente ao adaptar tantos personagens interessantes (e complexos). Será que o filme conseguirá cumprir essa missão? O jeito é esperar para ver.
Deadpool 2 estreia nos cinemas dia 31 de maio de 2018.